Inovando com Post-its

Imagine que você chega no escritório de uma startup e se depara com vários Post-its coloridos, colados em toda a parte: desde monitores, cadernos, quadros e até em paredes. Hoje em dia essa é uma cena bem comum, e muitas equipes de desenvolvimento de produtos utilizam post-its para organizarem suas ideias. Mas como esses pequenos papéis ganharam tanto espaço? Aliás, como eles surgiram? O intraempreendedorismo é a resposta por trás dessa inovação.

A 3M é uma empresa norte-americana fundada em 1902 e a sua história é marcada pelo desenvolvimento de produtos inovadores. Em 1918, um executivo chamado William McKnight, passou a estimular o empreendedorismo dentro da companhia, através de uma cultura organizacional moldada pelos líderes e pautada na liberdade de ideias, onde todos expunham suas opiniões. Ao invés de buscar inovação em times específicos, cada colaborador era encorajado a tomar iniciativas. Por meio do programa 15%, engenheiros podiam reservar 6 horas semanais para criarem projetos próprios, utilizando os recursos da empresa. Foi aí que nasceu o Post-it.

O engenheiro Spencer Silver criou em 1968 um adesivo de baixa aderência, mas, até então, a 3M não havia vislumbrado nenhuma aplicabilidade no mercado. Anos mais tarde, um colega de trabalho, o engenheiro Arthur Fry encontrou o problema para a solução que Silver havia criado. Art cantava no coral da igreja e precisava de algo que pudesse fixar os papéis com as partituras, e lembrou-se da invenção de seu amigo Silver. Com isso em mente, criou alguns protótipos e uma máquina para começar a produzir os adesivos em escala maior. A ideia deu tão certo, que hoje o Post-it está entre os cinco itens de escritório mais vendidos nos Estados Unidos.

A inovação surge quando criamos condições favoráveis para o seu desenvolvimento. É fundamental incentivar uma cultura organizacional nas empresas, onde haja autonomia e liberdade para discutir ideias simples e complexas. As pessoas devem sentir que fazem parte de algo maior, e que exercem influência umas com as outras. No fim, inovação é sobre saber ouvir.

Abrir bate-papo
1
Escanear o código
Olá 👋 Como posso ajudar você?